Lima por Felipe Hegg | Alucci Travel
18/06/2015 - por Redação voltar

Lima por Felipe Hegg

Essa é a segunda vez que vou pra Lima e a cidade me deixou realmente encantado com a arquitetura, história, gastronomia e seu povo. A cidade recebe estrangeiros de braços abertos e nos principais bairros você pode fazer tudo a pé a qualquer horário, pois, diferente do que muita gente acha, é super segura e além disso, você não corre o risco de ser pego de surpresa com chuvas, por que lá praticamente não chove. Nos últimos 10 anos a economia Peruana começou a deslanchar e isso fica evidente quando se caminha pelas ruas de Lima. Uma das partes mais impressionantes é ver a cidade, que até então era voltada apenas para o centro, hoje também para o mar, através da Costa Verde, onde aproveitaram a areia e terra de seus morros, para aterrar e criar praias repletas de quadras de futebol, tênis, espaços de ginástica e até campos de golf. Além disso, aí surge espaço para novos residentes e uma das melhores partes do Peru, sua maravilhosa culinária.

 

Seguem aqui alguns restaurantes que fui e é difícil falar qual é o melhor, uma vez que a variedade de temperos e variedades de comida é tão grande e desconhecida.

 

Central -  Eleito como um dos melhores restaurantes do mundo, o restaurante peruano é pequeno, acolhedor, discreto e possui uma dos menus mais curiosos que já vi. Além disso é tudo orgânico, fresco e colhido na horta de seu telhado. Delicioso e é preciso reservar com alguma antecedência.

 


Foto: reprodução

 

El Mercado - Rafael Osterling comanda esse, na minha opinião, é um dos mais bacanas e gostosos restaurantes de Lima. Ideal para almoços e jantares, é especializado em comida peruana, com um cardápio cheio de delicias como o Ají de Gallina, Ceviche Misto, Causa Tumbesina, la Chicha Morada e de sobremesa, vale experimentar os famosos Suspiros Limeños. Estou com água na boca só de lembrar de todos esses sabores.

 


Foto: reprodução

 

Rafael - Também de Rafael Osterling, o ambiente é bem mais moderno e descontraído. Perfeito para jantares com amigos e pra badalar. Delicioso como tudo que o primeiro chef peruano ganhador do Gourmand World Cookbook faz. Lá, por acaso, é possível comprar seu livro "Rafael, El Chef" para fazer suas receitas em casa.
 


Foto: reprodução

 

Amaz -  Como compartilhamos a Amazônia com nossos vizinhos peruanos, vale conferir esse restaurante que utiliza ingredientes amazônicos em suas comidas. É uma forma de também conhecer o Brasil, mas com aquele toque especial.
 


Foto: reprodução

 

Astrid y Gaston -  Astrid y Gastón é famoso no mundo inteiro e não é a toa. Foi ele que deu visibilidade para culinária peruana para o mundo. O mais impressionante é a criatividade na hora de misturar frutos do mar, com flores e temperos pouco conhecidos. Para que vai passar pouco tempo em Lima, vale a visita e ainda mais, pedir o Menu Degustação.

 


Foto: reprodução

 

Maido - Estava caminhando com minha sócia e fomos parar lá sem querer e foi uma das melhores surpresas gastronômicas que tivemos na cidade. É uma mistura de comida peruana e japonesa que lá é conhecida como Nikkei. Todos os pratos são servidos na temperatura perfeita para serem desfrutados e sua apresentação é certamente uma das mais lindas que vi em minha vida. São pequenas obras de arte comestíveis com sabores e texturas inimagináveis.

 


Foto: reprodução

 

La Huaca Pucllana - A Huaca são 150 metros quadrados de um complexo de ruínas, a construção arquelógica do século V, foi um importante centro cerimonial  e administrativo pré inca. O restaurante tem vista para o parque arquelógico e tem um cardápio de comida Criolla, ou seja, comida típica peruana com um toque espanhol. Lomo saltado, Ají de Gallina, Corvina em Crosta de quinua, Medalhão de alpaca e Arroz de pato são pedidas certeiras para contemplar essas ruínas no meio do bairro de Miraflores.

 


Foto: reprodução

 

Hotel B - Essa é um hotéis mais descolados da capital limenha e para completar, seu restaurante, além de drinks e comidas deliciosas, é um ambiente repleto de arte e charme, com um estilo Old Lima. Comida peruana com mescla mediterrânea é de comer de joelhos também.

 


Foto: reprodução

 

Papachos - Para aqueles que não são fãs de ceviche ou frutos do mar, o Papachos é a melhor hamburgueria da cidade. Para aqueles que estão com fome, aqui não é comida, mas quase que uma pornografia. Imperdível a Cañera, Limonada con Hierba Luisa, Hamburguesa Papacha e para os vegetarianos, ha cerca de 6 opções deliciosas também.

 


Foto: reprodução

 

 

 

Felipe Hegg da Galeria Lume está sempre nas melhores feiras de arte pelo mundo.

Tags

peru, lima,

Adicione esse post aos seus favoritos
 INDIQUE ESTE POST PARA UM AMIGO
 Quero fazer essa viagem
FECHAR


Quer fazer esta viagem?

O Alucci Travel trabalha para que você consiga montar a sua viagem do seu jeito e ao seu verdadeiro estilo. Entre em contato conosco para junto com as melhores agências de viagem, montarmos a sua.

Nome

Email

Telefone

Observação

BUSCA
NEWSLETTER
Cadastre seu email e receba novidades.